abril 22, 2011

Flor do amor


Flor do Amor
(por Wendel Araújo)


Flor de amor, de ardor.
Rosa, flora de espinhos,
Tão linda, cultivada com carinho,
Mesmo assim pode sangrar-me.

Rosa branca, vermelha, amarela,
Rosa cor-de-rosa, azuis, mil cores bela,
Bela és tu, rosa do meu jardim,

Podes me ferir, não tenho medo.

Sem os espinhos serias perfeita,
Mas quem procura perfeição?
Rosa nobre, do que ouro és melhor,
Romântica por si só.

Encanta todas gerações,
Perfuma, enfeita, embeleza,
Ornamenta, é frágil, só ela,
A Rosa, a flor de meu amor.



Wendel Araújo

4 comentários:

Layz Costa disse...

ameiii seu blog..lindinhooo...
abraçãoooo

Um brasileiro disse...

oi. estive por aqui dando uma olhadela. muito legal. gostei. apareça por la. abraços.

Karen Laissa disse...

Que lindo poema. As rosas são realmente incrivelmente belas e encantadoras de tal forma que paralisa.
Parabéns bela sensibilidade.

Clinica Psicologia disse...

Very nice post. hope you continue posting. belo post. espero que continuem a postar online. Pedro